Contenido principal del artículo

María Helena Palma De Oliveira
Universidade Anhanguera de São Paulo
Brasil
Biografía
Vol. 22 (2016), Estudios, Páginas 341-355
DOI: https://doi.org/10.14201/aula201622341355
Cómo citar

Resumen

.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.

Detalles del artículo

Citas

Amorim, M. P. (2007) Apropriação de significados do conceito de números racionais: uma abordagem histórico-cultural. Dissertação de Mestrado em Educação, Universidade do Extremo Sul Catarinense. Crisciuma, SC.

Bakhtin, M. (Volochinov, VN) (2006) Marxismo e filosofia da linguagem. Trad. Michel Lahud e Yara Frateschi Vieira. 12 ed. São Paulo: Hucitec.

Bardin, L. (1995) Análise de conteúdo. Trad. Luís Antero Reto e Augusto Pinheiro. Lisboa: Edições 70.

Fiorentini, D. (1995) Alguns modos de ver e conceber o ensino de matemática no Brasil. Zetetike, 3, 1-38.

Gascón. J. (2001) Incidencia del Modelo Epistemológico de las Matemáticas sobre las práticas docentes. Relime, 4, 129-160.

Radford, L. (2006) Elementos de una teoría cultural de la objetivación. Relime, Número Especial, 103-129.

Radford, L. (2011) Cognição matemática: história, antropologia e epistemologia. São Paulo: Editora Livraria da Física.

Lopes, A. J. (2008) O que nossos alunos podem estar deixando de aprender sobre frações, quando tentamos lhes ensinar frações. Rio Claro: Bolema, 21, 1-22.

Moretti, V. D.; Panossian, M. L. & Moura, M. O. (2015) Educação, educação matemática e teoria cultural da objetivação: uma conversa com Luis Radford. Educação Pesquisa, 1, jan./ mar. 243-260. Doi: https://doi.org/10.1590/S1517-97022015410100201

Oliveira, M. H. P. & Borges, W. A. (2013) Contribuições de Vigotski, Bakhtin e Wittgenstein para o entendimento dos processos de linguagem na aprendizagem de potências com expoente negativo. Perspectivas da Educação Matemática, 119-134.

Sannino, A. (2011) Ricerca-intervento in teoria dell’attività attualità della tradizione vygotskijana. European Journal of Research on Education and Teaching, 3, 103-114. Recuperado em 10 de março de 2015, de http://www.formazione-insegnamento.net/files/formazione&in- segnamento_3-2011/103-114%20%20%20Sannino.pdf.

Saviani, D. (2008) História das idéias pedagógicas no Brasil. 2ª ed. Campinas, sp: Autores Associados.

Silva, M. J. F. & Almouloud, S. A. (2008) As operações com números racionais e seus significados a partir da concepção parte-todo. Bolema, 21, 55-78.

Vygotsky, L. S. (1993) Pensamiento y lenguaje: conferencias sobre psicología. Obras escogidas II. Madrid: Visor.

Vigotski, L. S. (2000) A construção do pensamento e da linguagem. Trad. Paulo Bezerra. São Paulo: Martins Fontes.

Vygotsky, L. S. (2000) Pensamento e linguagem. Trad. Jefferson Luiz de Camargo. São Paulo: São Paulo: Martins Fontes.

Vigotski, L. S. (2010) Psicología pedagógica. Trad. Paulo Bezerra. São Paulo: Martins Fontes.

Wertsch, J. (1988) Vygotsky y la formación social de la mente. Trad. J. Zanón; M. Cortés. Barcelona: Paidós.