Cinema expandido português do séc. XXI

Paulo Cunha

Resumen


Muitas seriam os casos de estudo interessantes para várias reflexões sobre várias questões, mas optamos por conhecer com maior detalhe o percurso de três jovens artistas portugueses que tem posto em diálogo a linguagem cinematográfica com a arte contemporâneo, explorando as relações múltiplas entre a sala de cinema e a galeria de arte. Pela projecção internacional da sua obra e pela complexidade do seu trabalho, mas também pela maior facilidade de acesso às suas obras, escolhi debruçar-me sobre os casos de Gabriel Abrantes, Filipa César e Salomé Lamas, sabendo que muitos outros aspectos ficariam, de certa forma, colocados em plano paralelo ou secundário.


Palabras clave


Cinema português; Cinema expandido; Gabriel Abrantes; Filipa César; Salomé Lamas

Texto completo:

PDF EPUB HTML

Referencias


Abrantes, Gabriel (ed.) (2010). And I am so thankful for all the friendships i have made. Films by Gabriel Abrantes and in collaboration with Benjamin Crotty, Daniel Schmidt and Katie Widloski. Guimarães: Centro Cultural Vila Flor.

Cunha, Paulo (2013). Gabriel Abrantes: o contador de estória. En Pereira, A. C. & Cunha, T. C. (eds.). Geração Invisível: Os novos cineastas portugueses (267-286). Covilhã: Labcom/UBI.

Cunha, Paulo (2016). Luta ca caba inda: repensar o arquivo, a história e a memória na Guiné-Bissau através do trabalho de Filipa César. Estudos Linguísticos e Literários, 53, 222-240. doi: http://dx.doi.org/10.9771/2176-4794ell.v0i53.15857.

JFlor (2009). Gabriel Abrantes. Arte Facto, 20 de setembro. Recuperado en http://arte-factoheregesperversoes.blogspot.pt/2011/09/gabriel-abrantes.html

Marmeleira, José (2010). O cinema impuro do artista Gabriel Abrantes. Público, 8 de setembro. Recuperado de http://ipsilon.publico.pt/artes/texto.aspx?id=264748.

Marmeleira, José (2010b). Filipa César e os fantasmas no presente. Público, 3 de março. Recuperado de https://www.publico.pt/2010/03/03/culturaipsilon/noticia/filipa-cesar-e-os-fantasmas-no-presente-251897

Marques, Pedro (2009). Gabriel Abrantes segue os passos de Herzog! Rua de Baixo, 3 de abril. Recuperado en http://www.ruadebaixo.com/gabriel-abrantes.html

Marques, Susana Moreira (2017). Salome Lamas: Gosto da ideia do realizador como alguém que traduz». Jornal de Negócios. Recuperado de http://www.jornaldenegocios.pt/weekend/detalhe/salome-lamas-gosto-da-ideia-do-realizador-como-alguem-que-traduz

Mourinha, Jorge (2018). Filipa César, a investigadorfa das imagens perdidas. Público, 22 de Junho. Recuperado de https://www.publico.pt/2018/06/22/culturaipsilon/entrevista/a-investigadora-das-imagens-perdidas-1834478








Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

 
 
ESCI Web of Science                              

Revistas prosapias

  

Síguenos en